Tag

grátis

Browsing

Para você que está de férias em São Paulo e busca por alternativas grátis ou com baixo custo para curtir a família, apresento as dicas do site Catraca Livre.

Leia também:

A história de Fernanda Creazzo

A importância de pedalar em família

 

  • 1. Sescs de São Paulo (pode ir em todos!)

    Crédito: DivulgaçãoLegenda: Sesc Pompeia

    Só no estado de São Paulo, o Sesc conta com uma rede de 39 unidades destinadas à cultura, ao esporte, à saúde e à alimentação, ao desenvolvimento infanto-juvenil, à terceira idade e ao turismo social.

    A fim de proporcionar ao público o convívio e à troca de experiências, a instituição promove atividades diversificadas que possibilitam o bem-estar e o aprimoramento pessoal e social, crítico e renovador.

    Entre as paradas imperdíveis estão: um showzão na choperia do Sesc Pompeia; um mergulho na piscina do Sesc Belenzinho; e uma foto no mirante do Sesc Paulista!

    Funcionamento: terça-feira a domingo, diversos horários
    Preço: entrada gratuita e algumas atividades pagas – confira no site oficial.

  • 2. MIS | Museu da Imagem e do Som

    Crédito: Ding MusaLegenda: Museu da Imagem e do Som (MIS)

    O Museu da Imagem e do Som de São Paulo é um dos mais movimentados centros culturais da capital!

    Além de exposições, o MIS oferece uma grande variedade de programas culturais, com eventos em todas as áreas e para todos os públicos: cinema, dança, música, vídeo, fotografia e muito mais.

    Endereço: Avenida Europa, 158
    Metrô mais próximo: Linha 4 amarela – estação Fradique Coutinho
    Funcionamento: terça-feira a sábado (10h às 20h); domingos e feriados (9h às 18h)
    Preço: confira a programação em cartaz

  • 3. MASP

    Crédito: iStock | dabldyLegenda: MASP

    Em outubro de 1947, SP ganhava um espaço que provou ser um marco na disseminação da arte, o Museu de Arte de São Paulo. Dono do mais importante acervo de arte europeia do Hemisfério Sul, o MASP reúne cerca de 10 mil obras, entre pinturas, esculturas, objetos, fotografias, vídeos e vestuário de diversos períodos da história.

    Fundado em 1947 por Assis Chateaubriand (1892-1968), o MASP é um museu privado sem fins lucrativos, tornando-se o primeiro museu moderno no país. Chateaubriand convidou o crítico e marchand italiano Pietro Maria Bardi (1900-1999) para dirigir o MASP, e Lina Bo Bardi (1914-1992) para desenvolver o projeto arquitetônico e expográfico, que foi inaugurado em 7 de novembro de 1968, tornando-se um dos edifícios mais famosos do mundo e cartão postal da cidade de São Paulo.

    Endereço: Avenida Paulista, 1578
    Metrô mais próximo: Linha 2 verde – Trianon-MASP
    Funcionamento: terça e quarta-feira (10h às 18h); quinta-feira (10h às 20h);
    sexta-feira a domingo (10h às 18h)
    Preço: R$ 35 (inteira) e R$ 17 (meia-entrada) | Terça-feira a entrada é gratuita

  • 4. Itaú Cultural

    Crédito: Google Street ViewLegenda: Itaú Cultural

    O Itaú Cultural é um instituto voltado para a pesquisa e a produção de conteúdo e para o mapeamento, o incentivo e a difusão de manifestações artístico-intelectuais, contribuindo para a valorização da cultura de uma sociedade tão complexa e diversa.

    Ao considerar a cultura uma ferramenta essencial na construção da identidade e promoção da cidadania, desde 1987, quando foi aberto, o instituto busca democratizar e promover a participação social.

    Endereço: Avenida Paulista, 149
    Metrô mais próximo: Linha 2 verde – Brigadeiro
    Funcionamento: terça a sexta-feira (9h às 20h), sábado e domingo (11h às 20h)
    Preço: grátis

  • 5. CCSP | Centro Cultural São Paulo

    Crédito: Pedro MargheritoLegenda: Foto de um showzão do grupo Nômade Orquestra no CCSP

    Nascido no ano de 1982, o Centro Cultural São Paulo, conhecido como CCSP, é um dos primeiros equipamentos culturais multidisciplinares do Brasil. Aberto ao público, o local promove diversos eventos gratuitos ou a preços mega acessíveis, além de disponibilizar espaços para uso livre de seus frequentadores, que aproveitam o equipamento para fazer aulas de dança, desenho e muito mais!

    Endereço: Rua Vergueiro, 100
    Metrô mais próximo: Linha azul e verde – Vergueiro e Paraíso, respectivamente
    Funcionamento: terça-feira a domingo (10h às 20h)
    Preço: grátis

     

  • 6. Parque Ibirapuera da Conservação

    Crédito: Rafael NeddermeyerLegenda: O Parque Ibirapuera não é a coisa mais linda?!

    Escolhido por muitos paulistanos como um dos principais passeios de final de semana, o Parque Ibirapuera é o ambiente ideal para um piquenique com a família ou entre os amigos. Seja praticando esportes nos diferentes complexos do Parque, ou apenas relaxando com o que a cidade oferece. O Ibirapuera pode ser uma boa sugestão para quem quer fazer algo diferente gastando pouco.

    Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/n, Parque do Ibirapuera
    Metrô mais próximo: Linha 1 azul – Ana Rosa
    Funcionamento: diariamente, das 05h às 00h
    Preço: grátis

  • 7. Casa das Rosas

    Crédito: André HoffLegenda: Muito amor: o espaço externo da Casa das Rosas também é conhecido como Jardim Paradiso!

    A Casa das Rosas é um museu dedicado à poesia, à literatura, à cultura e à preservação do acervo bibliográfico do poeta paulistano Haroldo de Campos, um dos criadores do movimento da poesia concreta na década de 1950.

    Localizada em uma das avenidas mais importantes da cidade de São Paulo, a Avenida Paulista, o espaço realiza intensa programação de atividades gratuitas, como oficinas de criação e crítica literárias, palestras, ciclos de debates, exposições, apresentações literárias e musicais, saraus, lançamentos de livros, performances e apresentações teatrais.

    Endereço: Avenida Paulista, 37
    Metrô mais próximo: Linha 2 verde – Brigadeiro
    Funcionamento: terça-feira a sábado (10h às 22h);  domingos e feriados (10h às 18h)
    Preço: grátis

  • 8. IMS | Instituto Moreira Salles

    Crédito: Allan Hipólito/ Catraca LivreLegenda: A biblioteca do IMS além de contar com design inovador, tem capacidade para 30 mil livros.

    Localizado em plena Avenida Paulista, ali do ladinho da Rua da Consolação, o Instituto Moreira Salles reúne grande variedade de atividades, que vão do cinema à música, sem esquecer da gastronomia, sempre tendo a fotografia como a grande protagonista. É a partir dela que uma programação toda especial foi desenvolvida incluindo palestras, cursos, workshops, exposições incríveis e uma biblioteca inteiramente dedicada ao tema, com obras singulares e relevantes para consulta e pesquisa.

    Vizinho da Japan House, Itaú Cultural, Centro Cultural Fiesp, MASP e Casa das Rosas, o IMS Paulista chega para consolidar de vez a Avenida Paulista como o principal corredor cultural da cidade e um dos mais importantes do país.

    Endereço: Avenida Paulista, 2424
    Metrô mais próximo: Linha 2 verde – Consolação ou linha 4 amarela – Paulista
    Funcionamento: terça a domingo (10h às 20h); quinta (10h às 22h); e feriados (10h às 20h)
    Preço: grátis

  • 9. Japan House

    Crédito: Allan Hipólito | Catraca LivreLegenda: A Japan House compõe o Circuito Cultural Avenida Paulista

    Verdadeira embaixada cultural da Terra do Sol Nascente em São Paulo, a Japan House foi inaugurada na Avenida Paulista com o objetivo de mostrar o melhor do Japão do século 21.

    Dividido em três andares de muita arte, design, moda, gastronomia, ciência e tecnologia, o espaço cultural apresenta uma programação repleta de exposições, seminários e workshops, até atividades que trazem ao Brasil os mais relevantes criadores e empreendedores japoneses da atualidade.

    Endereço: Avenida Paulista, 52
    Metrô mais próximo: linha 2 verde – Brigadeiro
    Funcionamento: terça-feira a sabado (10h às 22h); domingo (10h às 18h)
    Preço: grátis

  • 10. Pinacoteca de São Paulo

    Crédito: DivulgaçãoLegenda: A Pinacoteca é um dos museus mais lindos de SP <3

    A Pinacoteca de São Paulo é um museu de artes visuais dedicado à produção brasileira do século XIX até a contemporaneidade. Fundado no ano de 1905, é o museu de arte mais antigo da cidade.

    Ela está instalada no antigo edifício do Liceu de Artes e Ofícios, projetado no final do século XIX pelo escritório do arquiteto Ramos de Azevedo, que depois passou por uma ampla reforma com projeto do arquiteto Paulo Mendes da Rocha no final da década de 1990.

    Endereço: Praça da Luz, 2
    Metrô mais próximo: Linha 1 azul – Luz
    Funcionamento: segunda-feira e terça a quinta (10h às 17h30)

  • 11. Farol Santander

    Crédito: DivulgaçãoLegenda: Vista do Farol Santander, cartão postal do Centro Histórico de São Paulo

    Reaberto após dois anos de reforma, o Edifício Altino Arantes, mais conhecido como “Banespão”, no centro da cidade, agora oferece onze andares de atrações de cultura e lazer incríveis, como pista de skate, mostra de Vik Muniz e loft de luxo.

    Rebatizado de Farol Santander, o ponto turístico tem capacidade para receber 800 pessoas por dia para visitação. O tradicional passeio ao mirante com visão de 360 graus do centro da cidade também voltou a funcionar e custa R$ 20. Os ingressos podem ser adquiridos na portaria ou pelo site.

    O centro cultural ainda oferece atrações para todos os gostos, divididas em quatro eixos: memória, arte, lazer e empreendedorismo.

    Endereço: Rua João Brícola, 24
    Metrô mais próximo: Linha 1 azul – São Bento
    Funcionamento: terça-feira a domingo (9h às 20h)
    Preço: R$ 20

  • 12. Instituto Tomie Ohtake

    Crédito: Ricardo MiyadaLegenda: Instituto Tomie Ohtake

    Inaugurado em 2001,  Instituto Tomie Ohtake é um dos únicos espaços da cidade especialmente projetado para realizar mostras de artes plásticas, arquitetura e design.

    Em homenagem à artista que lhe dá o nome, o Instituto desenvolve exposições focadas nos últimos 60 anos do cenário artístico, ou movimentos anteriores que levam a entender melhor o período em que Tomie vem atuando, organizando mostras inéditas no Brasil como Louise Bourgeois, Josef Albers, Yayoi Kusama, Salvador Dalí, Joan Miró, entre outras.

    Além de exposições, a programação se desdobra em atividades como debates, pesquisa, produção de conteúdo, documentação e edição de publicações.

    Endereço: Avenida Brigadeiro Faria Lima, 201
    Metrô mais próximo: Linha 4 amarela – Pinheiros
    Funcionamento: terça-feira a domindo (11h às 20h)
    Preço: grátis

  • 13. CCBB SP

    Crédito: DivulgaçãoLegenda: O Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB para os íntimos) é um dos espaços culturais mais lindos do centro

    O CCBB São Paulo ocupa um prédio construído em 1901 no coração histórico da cidade. Numa via hoje de pedestres, o edifício foi comprado em 1923 pelo Banco do Brasil.

    Inaugurado em 21 de abril de 2001, o CCBB São Paulo é a 3ª instituição cultural mais visitada no país e a 68ª. no mundo, de acordo com o ranking da publicação inglesa The Art Newspaper (abril/2017).

    Endereço: Rua Álvares Penteado, 112
    Metrô mais próximo: Linha 3 vermelha – Sé
    Funcionamento: segunda-feira e quarta a domingo (09h às 21h)
    Preço: grátis

  • 14. Theatro Municipal de São Paulo

    Crédito: Foto oficial Theatro MunicipalLegenda: Theatro Municipal de SP

    O Theatro Municipal é um dos espaços culturais mais icônicos em SP. Símbolo da era cosmopolita do século 20 e com grandes recursos provenientes da indústria do café, sua arquitetura, inspirada valores europeus da época, é um espetáculo à parte – e “só” isso já vale uma visita.

    Inaugurado em 12 de setembro de 1911, o edifício inspirado na Ópera Garnier, em Paris, tem a assinatura do arquiteto Ramos de Azevedo e projeto interno dos italianos Cláudio Rossi e Domiziano Rossi. Além de receber grandes nomes mundiais da música e da dança como Enrico Caruso, Maria Callas, Francisco Mignoni, Duke Ellington, Ella Fitzgerald, Isadora Duncan, Nijinsky, Nureyev e Baryshnikov; o Theatro também foi cenário de um dos principais eventos da história das artes no Brasil, a Semana de Arte Moderna.

    Endereço: Praça Ramos De Azevedo, s/n – República
    Metrô mais próximo: Linha 3  vermelha – Anhangabaú
    Funcionamento: consultar programação
    Preço: consultar programação

  • 15. Casa das Caldeiras

    Crédito: Allan Hipólito | Catraca LivreLegenda: Casa das Caldeiras é hoje um dos lugares mais deliciosos da cidade pra curtir um show ou se jogar num rolê

    Com tijolos e chaminés que remetem à memória viva do período em que São Paulo se transformou numa metrópole, a Casa das Caldeiras é hoje um dos lugares mais deliciosos da cidade pra curtir um show ou se jogar numa das festas que rolam gratuitamente de domingo por lá.

    Construído em 1920 para gerar energia às indústrias Matarazzo, o edifício que abriga a Casa das Caldeiras segue como fonte de energia nos âmbitos artísticos, culturais e sociais.

    Tombada em 1986, hoje é palco de eventos sociais, culturais e institucionais, investindo sempre na valorização do patrimônio e da memória, construindo de forma colaborativa uma ocupação independente, autônoma e mista, em torno da diversidade.

    Endereço: Av. Francisco Matarazzo, 2000 – Água Branca
    Metrô mais próximo: Linha 3 vermelha – Palmeiras-Barra Funda
    Funcionamento: consultar programação oficial
    Preço: grátis, na maioria das vezes

 

Kaspersky Password Manager

Crie uma senha forte para sua conta

Boa diversão e até a próxima!!

Foto: Divulgação (via assessoria)

Permita-se respirar, inspirar, relaxar e se divertir

Leia também:

Cacau é um alimento saudável e poderoso

Aplicativos que ajudam contra o Alzheimer

O que você acha de curtir uma semana zen e sem gastar nada? Sim, acredite, isso é possível.

Venha fazer parte da Virada Zen 2018 – De hoje até o dia 11, você pode aproveitar mais de 500 atividades, divididos em 200 espaços

A programação se baseia em três principais pilares: Consciência, com palestras, workshops e bate-papos; Presença, com aulas de dança circular, yoga, massagem, meditação e outras práticas; e Conexão, com shows de música, performances artísticas, cinema e outras atividades.

Ao longo da semana, a Matilha Cultural (rua Rêgo Freitas, 542, centro) recebe a mostra Cine Debate, que projeta filmes relacionados ao movimento zen e a cultura da paz, com destaque para o documentário “Espaço Além” (exibido no dia 7 de novembro, às 19h) As sessões são sempre seguidas por rodas de conversa sobre os temas tratados nos títulos.

Na série de painéis Virada Zen Talks, convidados de várias áreas – pesquisadores, cientistas, médicos, líderes e espirituais – discutem temas como a integração da ciência com a espiritualidade, alimentação consciente, ética, cura e ancestralidade.

O Centro da capital terá um  palco no Largo São Bento, no dia 10 de novembro – Haverá uma aula de yoga ao ar livre (às 9h), prática de meditação (às 10h15), DanzaMedicina (às 12h15), shows de Emanazul (às 14h) e Ilumina Sampa (às 15h15) e a experiência DanceMedretation (às 16h45), com o DJ Dre Guazelli e Rajany Freixo .

Já no Parque Ibirapuera recebe uma grande celebração no encerramento do dia 11 de novembro. Haverá um aulão de yoga ao ar livre (às 10h), bate-papos, performances musicais com Satyanatha e Mariana Ferrão (às 13h30), Chandra Lacombe (às 15h30) e Pena de Pavão (17h30) e um show com a cantora Tiê (às 19h30).

Confira aqui a programação completa da Virada Zen 2018.

Espero que possa relaxar e curtir muito essa semana Zen.

Até a próxima!

Kaspersky Password Manager

 

Crie uma senha forte para sua conta

Kaspersky Password Manager

Crie uma senha forte para sua conta

Feriado de Finados com muitas atrações em São Paulo

Se você assim como eu, não irá viajar nesse feriado, então prepara-se para se divertir.
Aqui vão algumas dicas de passeios gratuitos e que também cabem no bolso.

Leia também:

Aprenda a fazer pães de graça e ganhe renda extra

Venda Online –  A 25 de março vai até a sua casa

Se você curte Rock, então vale a pena conferir a exposição – Welcome to the jungle, baby! Fãs ou não do Guns N’ Roses vão curtir a mostra de mais de 200 itens, entre vídeos, fotos, objetos e muito mais da banda norte-americana que comemora 30 anos de lançamento de Appetite for Destruction (1987), álbum de estreia da banda norte-americana, que vendeu mais de 30 milhões de cópias pelo mundo todo.

A “Guns N’ Roses Experience” fica em cartaz no rooftop do Shopping Eldorado, até o dia 25 de novembro, com visitação de quinta a sábado, das 14h às 21h, e aos domingos e feriados, das 13h às 21h. A entrada é grátis.

Para quem curte dançar, a dica é o projeto – Time Warp Brasil . Proveniente da Alemanha e que acontece nos dias 2 e 3 de novembro, no Anhembi Parque.

Na programação estão nomes como Amelie Lens, ANNA, os DJs Gop Tun e muito mais.

Endereço: Olavo Fontoura , 1209 – Santana
Preço: a partir de R$160 [
Compre seu ingresso

Uma outra experiência que pode ser interessante é ir ao complexo de 9 andares – O Tokyo .

Localizado no Centro de São Paulo, os visitantes poderão se diverti na Heavy Brega no dia 2 de novembro.

O evento que contará com o melhor do tecnobrega, funk melody, carimbó, lambada, e hits do pop e rock em versão brega começa às 18h.

Endereço: R. Maj. Sertório, 110 – Vila Buarque
Preço: Sem cobrança de entrada até às 19h | Após às 19h: R$ 35 (
com lista), R$ 45 (sem lista) ou R$ 90 (consumação)

Agora se o seu lance é comer e relaxar, então a dica é o festival Vegano.

Calma, se você é uma pessoa carnívora, se permita experimentar algo diferente

O evento acontece na Vila Madalena no dia 3 de novembro, a partir das 11h –Rua Medeiros de Albuquerque, 270 (esquina com Beco do Batman). A entrada é gratuita

O Carnaval está quase chegando e os esquentas são sempe uma boa pedida – A dica aqui é A Catuaba: A Festa – Mundo Pensante no dia 3 de novembro, das 22h às 5h com o melhor dos Summer Eletro Hits, misturados com clássicos de outros carnavais. 

Se você gosta de Catuaba, os geladinhos será por conta da casa!

Endereço: R. Treze de Maio, 830 – Bela Vista
Preço: a partir de R$15 [
Compre seu ingresso]

A cerveja também não pode faltar no feriadão.

Slow Brew Brasil 2018 no dia 3 de novembro, das 12h às 20h, terá mais de 70 cervejarias presentes – ótima oportunidade para o público degustar cerca de 250 rótulos de chopp dos mais variados estilos.

Os ingressos dão direito a degustação dos 250 rótulos durante 8 horas, participação no sorteio de kits cervejeiros, copo oficial do festival, água potável à vontade e beer pocket.

Endereço: Pro-Magno: Av. Profa. Ida Kolb, 513 – Jardim das Laranjeiras
Preço: a partir de R$201 [
Compre seu ingresso]

Para encerrar com relax, a dica é o Aulão de Yoga no dia 4 de novembro, a partir das 9h30, no Parque do Povo.

O evento é gratuito e aberto ao público – basta levar seu tapetinho ou uma toalha ao gramado central do parque para participar.

Endereço: Av. Henrique Chamma, 420 – Pinheiros
Entrada Gratuita 

Curte livros? Então já agende para viver essa bela experiência

A exposição A Biblioteca à Noite. Ela vai até o dia 10 de fevereiro de 2019, no SESC Paulista.

A mostra imersiva, concebida pelo artista Robert Lepage e inspirada no livro ‘Ex Machina’, de Alberto Manguel.

Você fará uma visita virtual a 10 bibliotecas, reais ou imaginárias, com abordagens filosóficas, arquitetônicas e sociais.

É preciso agendar a sua visita pelo aplicativo do SESC Paulista, site ou nos pontos de atendimento do espaço.

Para grupos, entre em contato pelo e-mail agendamento@avenidapaulista.sescsp.org.br.

Endereço: Av. Paulista, 119 – Bela Vista
Entrada Gratuita

Bom feriado e até a próxima!! 

 

Kaspersky Password Manager

Crie uma senha forte para sua conta

Com a chegada do fim de ano, nada melhor que ter uma grana extra

Leia também:

Conheça algumas dicas de guardar o seu dinheiro

Saiba como economizar dinheiro

Os tempos atuais são desafiadores e arrumar emprego e conseguir um freela é algo possível, desde que se procure sem parar.  Você já pensou em aprender a pães artesanais? Essa dica pode te ajudar a encontrar uma saída interessante e até a contar com o apoio de algum familiar par ajudar nas contas da casa.

O curso acontece na Padaria Artesanal, projeto do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (Fussesp). E o melhor, o curso é gratuito . Então vamos aprender a fazer pães?

Esse curso tem como grande objetivo o de capacitar indivíduos para gerar emprego e renda rapidamente por meio da venda de pães.A duração é de apenas um dia e o interessado aprende a fazer 10 tipos de pães doces e salgados – Estão na lista o pão de batata,  cenoura, rosca estrela (de coco), integral, o de ervas, e muito mais.

O melhor de tudo é que as receitas aprendidas poderão ser preparadas em casa, ou seja, não há a necessidade de equipamentos industriais.  Você também aprende a ter noções de ética, higiene e cidadania.

DATAS

O curso ocorre sempre às terças, quartas e quintas-feiras, das 8h às 16h na Vila Olímpica Mário Covas, na Rodovia Raposo Tavares, km 19,5, no Butantã, na zona oeste da capital paulista.

São disponibilizadas 15 vagas por dia. Os alunos recebem uniforme, material didático e lanche.

COMO PARTICIPAR

Para fazer parte é  necessário ter mais de 16 anos e não precisa de experiência prévia em gastronomia e nem prática na cozinha e comprovante de escolaridade.

Faça parte. Aventure-se nessa nova experiência e ainda ganhe dinheiro.

Vale ressaltar que o Fussesp oferece também workshops gratuitos que ensinam a produção de panetones, pães de mel, cookies, tortas salgadas e outros produtos ligados à panificação.

Quer saber mais? Então ligue para o telefone (11) 2588-5705. Esse é o mesmo número para se inscrever.

Até a próxima!!